Hoje quarta-feira 18 de dezembro é Dia do Mergulhador.

Hoje   quarta-feira 18 de dezembro é o (352º), trecentésimo quinquagésimo segundo dia do ano! Portanto faltam 13 dias para concluir o ano de 2013.  

Você sabia que dia 18 de dezembro é Dia do Mergulhador?  
Então, para comemorar este dia tão especial para os mergulhadores, este Blog trouxe para você um pouquinho da história do mergulho autônomo.
O primeiro equipamento de mergulho autônomo foi criado em 1943 por Jacques Cousteau, o pai do mergulho autônomo, com a ajuda do engenheiro Emile Gagnham. A idéia de conjugar um cilindro de ar com uma válvula respiradora deu origem ao mergulho autônomo e permitiu que um ser humano permanecesse debaixo d’agua por um período considerável de tempo sem precisar de auxílio externo. 
Até então o mergulho com ar comprimido era realizado apenas com o auxilio de compressores de superfície. As roupas, como mostram as fotos, eram muito pesadas e difíceis de vestir, sem contar com o custo elevado dos equipamentos. Os riscos eram assustadores, como o baurotrauma total, se acontecesse um vazamento de ar, a morte era instantânea, e o corpo inteiro as vezes tinha de ser retirado de dentro do capacete.
Os primeiros equipamentos scuba chegaram ao Brasil na década de 40 e como no mundo inteiro também foram utilizados inicialmente para caça submarina. Logo após a chegada deste equipamento em nosso país foi fundada a Associação Brasileira de Caça Submarina. Como aconteceu no exterior, a prática da pesca sub separou-se do mergulho autônomo, principalmente porque os caçadores chegaram a conclusão que era anti-esportivo pescar de outra forma que não em apnéia. Essa visão se reforçou a partir do final dos anos 70, quando chegaram os primeiros instrutores das organizações americanas de instrução para mergulho autônomo. 

A partir dos anos 80 o desenvolvimento tecnológico permitiu um novo panorama do mergulho nos Estados Unidos. Diversas indústrias ofereciam novidades em equipamentos mais seguros e mais baratos, o que resultou num mergulho mais popular naquele país. Foi aí também que as mulheres começaram a apreciar o fundo do mar, que até então era privilégio exclusivo dos homens.
Fonte: www.mergulhe.com.br
 

Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.