PROCAP executa operação “Caracol” contra fraudes em licitações na Prefeitura de Tururu.

A Procuradoria dos Crimes Contra a Administração Pública (PROCAP) do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), com o apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas, Polícia Civil e Perícia Forense (PEFOCE), realiza na manhã desta quinta-feira (30/06) a operação “Caracol”, cumprindo mandados de busca e apreensão para investigar supostas fraudes em licitações na Prefeitura de Tururu.
As buscas acontecem na residência do prefeito Raimundo Nonato Barroso Bonfim, em Fortaleza, em sua fazenda na cidade de Tururu e na sede da Prefeitura Municipal. Na Capital, a operação já foi finalizada. Suspeita-se que as fraudes nas licitações ocorreram por meio da falsificação de assinaturas e de associações, destacando-se a Secretaria de Ação Social de Tururu.
A operação da PROCAP conta com o apoio dos promotores Deolinda Noronha, Guilherme de Lima Soares, Régio Vasconcelos, Sérgio Peixoto, Ronald Rocha, Rinaldo Janja e Felipe Diogo, de 18 policiais civis e mais um perito da PEFOCE. Os mandados foram emitidos pela desembargadora Lígia Andrade.

Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.