CRIMINALIDADE SEM TRÉGUA: Além dos ataques de facções, Ceará registra 35 mortes violentas no fim de semana.

Em meio a uma onda de ataques praticados por ordem de facções criminosas, o Ceará  registrou, ainda, 35 mortes violentas durante o fim de semana, entre casos de assassinatos e acidentes de trânsito.  A maioria dos crimes – 13 casos – ocorreu no Interior. Em Fortaleza, foram 12 homicídios, entre eles, um caso de latrocínio (roubo seguido de morte) que vitimou um policial militar, em Caucaia.
Na Capital, os 12 homicídios ocorridos no intervalo entre sexta-feira e a madrugada desta segunda-feira ocorreram nos seguintes bairros: Mondubim, Pici, Jardim das Oliveiras, Barra do Ceará, Vila União, Jardim Iracema (2 casos), José Walter (duplo), Cocó, Parangaba e Aerolândia.
Três casos de duplos homicídios ocorreram no fim de semana, conforme registros das polícias Civil e Militar e da Perícia Forense (Pefoce).
Na Região Metropolitana de Fortaleza, foram registrados seis assassinatos nos seguintes Municípios: Caucaia (2 casos), Maracanaú (duplo homicídio), Cascavel e São Gonçalo do Amarante.
Já no Interior do Estado, foram mais 13 homicídios nos seguintes Municípios: Caririaçu (um  caso de duplo homicídio), Russas (2 casos), São Benedito, Crateús, Quixelô, Palmácia, Boa Viagem, Marco, Juazeiro do Norte, Jardim e Solonópole.
ACIDENTES
Pelo menos, quatro pessoas morreram em acidentes de trânsito ocorridos todos no Interior, nos seguintes Municípios: Brejo Santo (dois mortos), Jardim e Jaguaribe. 
As quatro pessoas mortas se envolveram em acidentes com motocicletas e todas acabaram perdendo a vida ao cair do veículo.
Os mortos foram identificados como Cícero José dos Santos , 42 anos (acidente no Sítio Riacho da Cachoeira, em Jardim), Renan Weber Pauli (acidente na CE-275, em Jaguaribe), Francisco Ismael Felinto e Maria Cristina Alves da Silva (em um acidente no Sítio Timbaúba, em Brejo Santo).
Por FERNANDO RIBEIRO
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.