Prefeitura no Ceará prevê compra de R$ 20 mil em pirulitos e chicletes.

A Prefeitura de Acopiara, cidade distante 345 quilômetros de Fortaleza, fechou licitação para a compra de gêneros alimentícios para as secretarias municipais que prevê gasto de quase R$ 20 mil destinado à compra de balas mastigáveis e pirulitos.
O secretário de Administração e Finanças da Prefeitura, Francisco Edson Facó Bezerra, pontua que, apesar da previsão, ainda não houve gasto do Poder Executivo com o material.
A licitação foi aberta em março desse ano, com valor estimado em mais de R$ 2 milhões. A lista de aquisição prevê a compra de gêneros alimentícios como carne, arroz, milho de pipoca, purê de batata, rapadura, macarrão, frutas e verduras. Entre os maiores gastos previstos, estão a compra de bebida láctea, sabor chocolate, no total de R$ 91.800; carne bovina charqueada, no total de R$ 78.316,50; e biscoito tipo Cream Cracker, no total de R$ 76.436.
Chama atenção a previsão de dispêndio de R$1 2.054 com “bala mastigável artificial sabores diversos” e de R$ 7.360 com “pirulito bola chicle sabor tutti frutti”. Outros gêneros alimentícios que também dizem respeito à categoria de doces e/ou sobremesas, como geleia de mocotó, doce de banana tipo mariola e doce cremoso de goiaba têm custos menores: R$ 1.580; R$ 1.800; e R$ 2.143,50, respectivamente.
O secretário de Administração e Finanças afirma que, ainda que os objetos estejam previstos como opção de compra da Prefeitura, “não foi gasto nenhum centavo”. Ele pontua que a licitação foi feita na modalidade de registro de preço, quando um município adere à licitação já feita por outra Prefeitura e apenas copia a lista de objetos e valores do que será comprado. “A gente fez o registro de preço, copiamos, mas só se compra o que vamos precisar”, ressalta.
Sobre a crítica de moradores da região aos gastos, Facó disse ser “conversa de adversário (político)”. “Qualquer licitação que você faz não significa que você vai comprar tudo. Licitação é um processo demorado, trabalhoso. Quando mais facilidade você tiver, melhor”, destacou. Em relação à necessidade de contenção de gastos em muitas prefeituras, ele disse que não há inadimplência com pagamentos em Acopiara.
O TCM informou, por meio de nota, que em trabalho regular de monitoramento preventivo está atento a situações atípicas como o caso. A atividade é feita por meio do acompanhamento diário das licitações informadas no Portal de Licitações dos Municípios, e sendo detectados indícios de irregularidade, processos são abertos para apuração de responsabilidades.

Tribuna do ceara
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.