Camilo propõe lei nacional para bloqueios de celulares em presídios.

O Governador Camilo Santana propôs que o bloqueio de sinal de celulares em presídios passe a ser uma política nacional. O Governador disse que o tema deverá ser discutido entre os governadores na próxima reunião dos gestores. Ele argumenta que a medida deverá contrapor a decisão do Supremo Tribunal Federal de considerar inconstitucional as leis estaduais que obrigavam as operadoras de celular a instalarem os equipamentos.
“Defendo uma política nacional de intervenção e para isso conto com o apoio dos demais governadores e do Ministério da Justiça, para que uma lei nacional seja criada para este fim”, disse Camilo, após a reunião mensal para divulgar os números do combate aos crimes letais no Estado.
Ele criticou a soltura pelo STF de um homem ligado à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) e responsável pelos ataques aos órgãos públicos do Ceará ano passado.  “É impressionante a quantidade de pessoas que a Polícia prende e está solta de novo. Agora, o (Ricardo) Lewandowski (presidente do STF), soltando um homem do PCC que nós prendemos por conta daqueles ataques (em novembro). É uma coisa que nós fazemos, um apelo ao Congresso Nacional, que é preciso rever as leis, que são frouxas em relação aos bandidos desse País”, detonou.

Ceará Agora
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.