Ceará terá dias de chuvas isoladas e passageiras.

A manhã de ontem (20) foi de chuva fraca na Capital, fato que não ocorria desde o início do mês. Entretanto, o que informa a previsão da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) é que as precipitações não devem continuar por muito tempo.
A previsão é de que chuvas isoladas ocorram no litoral e no Sul do Estado, o que deve fazer com que as temperaturas diminuam no começo da manhã em Fortaleza, por exemplo. Segundo o órgão, outro fator alterado será o da umidade relativa do ar, registrada entre 20% e 30% em território cearense.
O motivo é a atuação de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN), responsável por aumentar as áreas de instabilidade no clima. Atuando em todo o Nordeste, ele deve causar algumas chuvas isoladas e de pequena intensidade. “Pelo menos nos próximos dois dias deve continuar essa situação, o que não significa que deva chover, devem ocorrer apenas alguns eventos como esse”, relatou Davi Ferran, meteorologista da Funceme, se referindo à precipitação de ontem (20). Ainda de acordo com ele, não existe relação com a pré-estação chuvosa, que é iniciada no mês de dezembro.
Além disso, junto com a chuva vieram alguns transtornos pela cidade. Logo no início da manhã, 11 semáforos apresentaram problemas em diversos cruzamentos e tiveram que ser reparados pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), que conseguiu solucionar os problemas até as 14h. O órgão informou em nota que 90 cruzamentos da cidade já possuem nobreak, mecanismo que possibilita que os equipamentos funcionem mesmo em casos de oscilação de energia.
UMIDADE
Desde o início da semana, a Defesa Civil do Estado vinha alertando sobre os cuidados a serem tomados por conta das baixas taxas de umidade relativa do ar. Em algumas regiões do Estado, os números chegavam abaixo dos 20%, como nos municípios de Barbalha e no Jaguaribe. Na Capital e em toda a faixa litorânea, a situação não era tão complicada. Assim, as chuvas devem ajudar a aumentar esses números. “Esses eventos devem amenizar a secura no Interior do Estado. Com essa condição mais propícia, a secura entre 11h e 16h não deve ficar tão grande”, explicou Ferran.

A Funceme também prevê que a sensação de calor deve ser amenizada logo no início do dia. Isso porque a temperatura deve cair nesse período nas próximas 48 horas, por conta das leves chuvas. Apesar disso, acredita-se que o céu continue claro e sem tantas nuvens. “A gente vinha com 26º e agora cai para 25º ou 24º, o que ameniza o calor”.
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.