Avião militar russo com 92 pessoas a bordo cai no Mar Negro

O Ministério da Defesa russo informa que não há sobreviventes. O avião Tupolev Tu-154 desapareceu pouco depois da decolagem e tinha como destino a cidade de Latakia, na Síria.
A aeronave transportava soldados russos, jornalistas e membros do coral Alexandrov, que viajava ao país para participar das festas de final de ano.
O avião estava voando desde 1983 e tinha sido reparado pela última vez em dezembro de 2014 e revisado em setembro do ano passado.
As equipes de resgate encontraram o Tupolev a um quilômetro e meio da costa de Sochi.
O porta-voz do governo, Dmitri Peskov, disse que o presidente Vladimir Putin foi informado imediatamente quando a aeronave desapareceu dos radares.

Equipes de resgate atuam com 3.500 homens na busca por corpos de vítimas da queda de avião no Mar Negro
Fonte: cbn.globoradio.globo.com

Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.