Avião de carga cai no Quirguistão e deixa 37 mortos


Um avião de carga cai nesta segunda-feira em uma área residencial próxima ao aeroporto principal do Quirguistão, matando ao menos 37 pessoas, afirmou o Ministério para Situações de Emergência.

A queda do Boeing 747 turco matou tanto integrantes da tripulação quanto moradores da região. Outras quinze pessoas, inclusive seis crianças, foram hospitalizadas.

A área ao redor do aeroporto de Manas registrou forte crescimento nos últimos anos, desde que os Estados Unidos começou a operar uma instalação militar no local, destinada principalmente às viagens ao Afeganistão.

"Eu acordei por causa da forte luz vermelha fora de casa", afirmou Baktygul Kurbatova, que teve ferimentos leves, à televisão local. "Não consegui entender o que estava acontecendo. O teto e as paredes começaram a desabar. Fiquei com medo, mas consegui cobrir o rosto de meu filho para ele não ser acertado pelos destroços".

Mais de mil trabalhadores de resgate estavam na região na manhã após o acidente. Cerca de 15 casas foram completamente destruídas, afirmou o vice-primeiro-ministro, Mukhammetkaly Abulgaziyev.
A causa da queda ainda não é conhecida, e as equipes de resgate ainda buscam a caixa preta da aeronave. O avião, que pertencia à ACT Airlines, partiu de Hong Kong. Fonte: Associated Press.
Fonte: Jornal O Povo Online
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.