Trump muda tática sobre Síria e envia tropas para reaver maior reduto do EI.

Presidente americano ordena reforço de 400 homens e equipamentos de artilharia para retomada da cidade de Raqqa.

O governo de Donald Trump decidiu enviar 400 soldados para o norte da Síria para apoiar curdos, grupos rebeldes locais e tropas turcas no esforço para retomar Raqqa, considerada pelo Estado Islâmico sua capital. O contingente quase dobrará as forças americanas no país, que está há seis anos mergulhado em uma guerra civil. Barack Obama resistiu à pressão para enviar tropas de combate à região e preferiu agir por meio de aliados na Síria.
 As tropas começaram a chegar à região no fim de semana, em caravanas de caminhões militares. A princípio, soldados dos EUA não participarão de combates diretos com integrantes do EI. Sua função será fornecer armamentos e apoio logístico a aliados na frente de batalha.

Com informações O Estado de São Paulo
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.