Obrigação! Justiça obriga administração de Tejuçouca fornecer medicamentos para paciente com tratamento de catarata.

Tejuçuoca estabeleceu uma ação de obrigação para o fornecimento de medicamento ao tratamento de Catarata senil. Desta maneira a senhora Juíza decidiu através de liminar obrigar o município de Tejuçuoca, fornecer medicamento ao paciente com Lúpus e Catarata em 72 horas, em favor da senhora Lurdes Santana de Sousa da localidade de Chaparral neste referido município. Esta senhora precisa do uso contínuo das seguintes medicações: TRAVANE -1 colírio a cada dois meses, VIDISIC GEL – 1 Tubo a cada dois meses; LEVOTIRONA 150MG 1 - caixa de 60 comprimidos a cada dois meses; RENITIDINA – 1 caixa de 60 comprimidos a cada dois meses e PROPRANOL – 1 caixa de 60 comprimidos a cada dois meses.

A Dra. Juiza Juliana Porto Sales pontuou que está senhora é hipossuficiente, ou seja, que sobrevivem com o mínimo de condições financeiras, portanto é ela necessita do poder público para ter seu direito assegurado. Assim, pede a concessão já em sede de liminar de fornecimento gratuito dos medicamentos descritos na inicial conforme documentação e, caso haja descuprimeto da medida pleiteada liminarmente, seja fixada multa cominatória, sob pena de multa diária no valor de R$ de 1.000,00 (Hum mil reais).

Esta causa teve como advogado, o Sr. Carlos Mota, em defesa da senhora em favor da senhora Lurdes Santana de Sousa da localidade de Chaparral em Tejuçuoca! Parabéns a Dra. Juiza Juliana Porto Sales e ao advogado Carlos Mota, por mais essa causa ganha em favor das pessoas carentes de Tejuçuoca.

Veja a baixa a liminar

Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.