Grande Fortaleza registra seis homicídios durante a noite


Seis assassinatos. Esse foi o número de uma noite sangrenta somando os homicídios registrados na Capital, Fortaleza, e em Caucaia e Maracanaú, na Região Metropolitana.

Maracanaú que registrou mais crimes de morte durante a noite, três ao todo. No primeiro caso, um comerciante de 38 anos, identificado como Cicero Martins de Lima, foi morto dentro de seu estabelecimento, uma churrascaria localizada na avenida Contorno Sul.

De acordo com a Polícia, um homem entrou restaurante, foi até o local onde o proprietário estava e efetuou vários disparos. Em seguida o atirador deixou o local.

Ainda segundo relatos, a vítima tinha antecedentes criminais por assalto (três vezes) e estelionato, mas os agentes disseram que os delitos aconteceram há muito tempo e que o Cícero já havia respondido por eles, o que diminuiria a chance do homicídio ter ligação com sua vida pregressa.

No segundo caso em Maracanaú, um casal foi morto na praça Tenente Mário Lima. De acordo com informações, as vítimas, que não foram identificadas, estavam sentadas em um banco, quando quatro homens desembarcaram de um veículo e começaram a atirar.
A mulher morreu no local. Já o homem ainda tentou correr, mas não resistiu aos ferimentos e caiu, há alguns metros de onde aconteceu o crime. Os atiradores fugiram.

Em Fortaleza, dois crimes foram registrados em regiões próximas. O primeiro aconteceu na avenida Benu Manconder, no conjunto Nova Assunção, onde Francisco Rafael de Oliveira Santos, de 30 anos e sem antecedentes criminais, foi morto a tiros por homens que passaram em um veículo. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O segundo crime aconteceu na avenida José Moreira Rebouças, no Vila Velha 3, onde um homem ainda não identificado foi assassinado a tiros. O crime aconteceu de forma bem similar ao que vitimou Francisco Rafael, com homens passando em um carro e disparando contra a vítima.

A sexta morte registrada na noite aconteceu na Rua Mirador, no bairro Marechal Rondon, em Caucaia. Na ocasião, um homem de 28 anos, identificado apenas como Vítor, foi executado a tiros. De acordo com informações, o crime seria um acerto de contas, já que na noite de terça-feira (15), a vítima teria efetuado disparos com arma de fogo na Região.

Todos os casos estão sob investigação, mas até o fechamento das matérias não havia informação sobre a prisão de algum suspeito de participar dos crimes.
Fonte: Cnews
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.