Cerca de 50 kg de drogas são apreendidos e catorze pessoas são presas na Grande Fortaleza

Cerca de 50 quilos de entorpecentes foram apreendidos em ações da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) da Polícia Civil do Estado do Ceará, desencadeadas em Fortaleza e na Região Metropolitana. Foram presas 14 pessoas, apreendidas duas armas de fogo e também drogas sintéticas. Os resultados foram divulgados em coletiva de imprensa realizada, na tarde de quinta-feira (26), na sede da delegacia especializada.

Em uma das prisões, ocorrida na quarta-feira (25), policiais civis prenderam o mototaxista de 51 anos - com passagens pela Polícia por violência doméstica - quando este se preparava para realizar a entrega de 500 gramas de crack, na localidade de Tabatinga, em Maranguape, Região metropolitana de Fortaleza. Ao ser indagado, o suspeito informou que havia sido pago para levar a droga até o endereço, mas não informou a origem do material, nem o destinatário. No entanto, após diligências, os profissionais de segurança descobriram a identificação da proprietária do ilícito e chegaram à residência da investigada. No entanto, não havia ninguém local, onde foram apreendidos 260 papelotes de crack, 72 papelotes de maconha e uma balança de precisão.

Também na Região Metropolitana, em Maracanaú, os policiais civis prenderam um homem de 25 anos - com antecedente criminal por porte ilegal de arma de fogo. De acordo com as investigações, o suspeito seria responsável por repassar carregamentos de cocaína, sob a ordem de um suspeito que se encontra recluso no Sistema Penitenciário. Com ele, foram apreendidas algumas trouxinhas de cocaína. Agora, a DCTD mantém as investigações com o objetivo de prender outras pessoas envolvidas no esquema criminoso.

Ainda nessa quarta-feira, a delegacia especializada prendeu homem de 26 anos - com passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo - que também se preparava para entregar 1,5 quilo de cocaína e 37 gramas de crack. O homem foi visualizado no estacionamento de um supermercado, no bairro Passaré, chegando a empreender fuga ao perceber a presença da Polícia Civil. Houve perseguição, mas o suspeito foi abordado na Avenida Paulino Rocha. Ao ser indagado, ele confessou que além de comercializar, também fazia o refinamento da droga, utilizando de mineíta na mistura do entorpecente, com o intuito de lucrar ainda mais com a prática ilícita. O suspeito foi flagranteado por tráfico de drogas, na sede da DCTD.

Tiroteio com traficante

No mesmo bairro, a Polícia Civil prendeu o paranaense de 25 anos - sem antecedentes no Ceará - que trazia 27 quilos de maconha escondidos no painel de um veículo. Por meio de diligências na região, o homem foi localizado no momento que parava o veículo, na Rua Eudorado. Ao perceber a aproximação dos profissionais da DCTD, homem tentou empreender fuga, chegando a quase atropelar os policiais civis. Mais a frente, o paranaense desceu do veículo e efetuou um disparo de arma de fogo contra a equipe, que revidou e atingiu a perna do suspeito. Com ele, foi apreendida uma pistola.

Uma busca foi realizada no carro e, por meio de um dispositivo próximo ao pedal do acelerador, os policiais abriram um compartimento onde estavam os tabletes de maconha. De acordo com as apurações da especializada, o material era originário da cidade de Curitiba. Após ser encaminhado ao Instituto Dr. José Frota (IJF), onde recebeu atendimento médico em razão da lesão à bala, o suspeito foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, receptação e tentativa de homicídio contra os policiais.

Irmãos presos

Em continuidade ao trabalho de investigação no combate a venda de entorpecentes, a delegacia especializada capturou dois irmãos suspeitos de envolvimento no tráfico de drogas no bairro Montese (AIS 05). Inclusive, um dos suspeitos identificado por José Ygor da Silva Vieira (20) - com passagens pela Polícia por tráfico de drogas - já havia sido preso há três meses, também por envolvimento em ações criminosas. A abordagem aos indivíduos ocorreu na Rua Aquiraz, onde "Yguinho do Mangueiral" e seu irmão, Jose Yuri da Silva Vieira (21) - sem antecedentes - tentaram se evadir.

Na fuga, o suspeito arremessou um pacote, que posteriormente foi apreendido pela equipe policial. O suspeito foi capturado e, em seguida, "Yguinho do Mangueiral" também foi localizado em uma residência nas proximidades. Durante o fato, o infrator tentou novamente se evadir, chegando a quebrar uma tornozeleira eletrônica. No entanto, o homem foi contido pela polícia. Na ação, os profissionais de segurança apreenderam pouco mais de seis quilos de maconha, 500 gramas de cocaína e uma balança de precisão, que estavam em uma vila de casas abandonadas, conhecida por "trem". Toda a ação ocorreu na última quinta-feira (19).

Já na Sapiranga, diligências resultaram nas prisões de dois suspeitos, com passagem por tráfico de drogas. Ambos foram flagrados quando realizavam o repasse de drogas. Com os indivíduos, inicialmente, foram encontrados tabletes de cocaína, que pesaram cerca de três quilos. Seguindo com as diligências até a casa de Edson, uma mansão no bairro Prefeito José Walter, foi encontrada uma espingarda calibre 12.

Durante a coletiva, a DCTD também apresentou as prisões de cinco pessoas, no bairro Conjunto Ceará e João XXIII. O primeiro suspeito identificado, de 25 anos, conhecido por "Elvinho" e sem antecedentes. De acordo com as investigações, ele seria o responsável por abastecer "bocas de fumo" na região. Ele foi localizado na Rua 105, onde havia acabado de entregar entorpecentes. Com ele, foram encontradas 25 pedras de crack prontas para a comercialização. Na casa situada no mesmo endereço, a Polícia Civil abordou um casal e com eles, outras 25 pedras de crack.

Seguindo as investigações, a DCTD chegou a um homem de 23 anos - conhecido por "Caique" e sem antecedentes - que estava em posse de drogas sintéticas, que seriam entregues para "Elvinho". O suspeito foi encontrado no bairro João XXIII, quando repassava entorpecentes para outro investigado, outro suspeito - conhecido por "Gaspar" e sem antecedentes. Na abordagem, os policiais encontraram meio quilo de maconha. Já na casa de "Caique", foram encontrados cerca de 200 comprimidos de ecstasy e 1,8 quilo também de maconha. A ofensiva ocorreu no dia 10 de outubro.

Por fim, na Parangaba, os policiais civis flagraram o momento que um homem de 30 anos - com passagens por tráfico de drogas e receptação - repassava um pacote com drogas, para um comparsa. Ao perceberem a aproximação da Polícia Civil, os suspeitos tentaram empreender fuga, vindo o rapaz a ser contido. O segundo suspeito empreendeu fuga e arremessou um embrulho com dois quilos de cocaína, que foi recuperado pela equipe policial.
Fonte: G1 CE
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.