Concurso Público em Tejuçuoca: Prefeita envia projeto de Lei que cria cargos efetivos para nível médio e superior para Câmara de Vereadores.

O cidadão de Tejuçuoca que possui escolaridade apenas do "Ensino Fundamental" não poderá concorrer a nenhuma vaga.

A prefeita do município de Tejuçuicca enviou para a Câmara Municipal de Teuçuoca o projeto de Lei N° 01/2018, pede aprovação dos vereadores que dispõe sobre a criação de cargos de provimentos efetivos e amplia vagas no quadro de pessoal do Poder Executivo Municipal e dá outras providências.

Para que todos fiquem sabendo o referido projeto de Lei enviado pela prefeita, oferta apenas 80 vagas para professores de educação básica nível II e 10 vagas para professor de educação física. Fique sabendo que no ano passado foram contratados para a Educação Infantil e Ensino Fundamental I - 99 Professores.

Para o 6° ao 9° Ano foram contratados 46 Professores e 10 Professores de Educação Física. A Demanda Contratada em 2017 para Professores foram 155 Contratos Temporários e Ampliação que também configura Contrato.

Então pelos dados de 2017 a Prefeitura Municipal de Tejuçuoca contatou a mais 65 professores diante da quantidade ofertada.

Fique sabendo também que em Tejuçuoca possui carência de psicopedagogo, mas infelizmente nenhuma vaga foi disponibilizada neste referido projeto.

Estes dados acima informados têm como fonte o (SINDSET) Sindicatos dos Servidores Públicos de Tejuçuoca, onde o mesmo fez alguns questionamentos a prefeitura de Tejuçuoca.
Questionamentos:
Por que as vagas de auxiliar de serviço gerais, entre outras não podem ser ofertadas para o ensino fundamental na condição de exigência mínima?

Em 2017 se contratou 155 vagas para professores e oferta apenas 90 vagas?

So lembrando que o Ministério Público já alertou a senhora prefeita no quesito quantidade de vagas. Portanto se ficar comprovado carência superior a quantidade ofertada, a senhora prefeita poderá responder na justiça e inclusive por improbidade administrativa.

O Sindiset de Tejuçuoca deixou bem claro na postagem de seu facebook oficial que estará atento a estes detalhes e levará o caso ao Ministério Público Estadual, já que contratar servidores superior a quantidade real de oferta configura crime.

O vereador Rogilson Brandão também está atento e se detectar alguma irregularidade estarei levando ao conhecimento do Ministério Publico Estadual.
Veja o projeto a abaixo



Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.