Presidente da Câmara de Uruburetama compra voto de vereador para proteger prefeito.

Capelão Barroso teria chantageado Erandir Rodrigues para votar a favor de Dr. Hilson, acusado na Câmara por assédio sexual. A denúncia foi arquivada

O presidente da Câmara Municipal de Uruburetama, Barroso Capelão (SD) foi o voto que definiu, no último dia 12, o arquivamento da denúncia contra o prefeito Dr. Hilson (PCdoB), acusado de assédio sexual. No entanto a votação teria sido decidida antes da sessão na Casa, em uma ligação entre Capelão e o vereador Erandir Rodrigues (PSD).

O Ceará News 7 teve acesso ao áudio da ligação na qual Capelão chama Erandir para uma conversa para acertar os últimos detalhes sobre a mudança de voto. Erandir votaria contra Dr. Hilson, fechando o placar na Câmara em 6 a 4 pelo recebimento da denúncia, mas pressionado pelos aliados do prefeito, acabou votando para proteger o gestor.

A votação ficou empatada em 5 a 5, deixando a decisão para o presidente da Casa, Capelão Barroso, que votou pelo arquivamento da denúncia.

Erandir é acusado por crime de pedofilia e isso teria sido usado por Capelão para forçá-lo a votar a favor do prefeito. Erandir teria negociado sua proteção em troca da proteção do prefeito. O vereador chegou a apresentar denúncia contra o presidente da Câmara devido às chantagens, mas desistiu de levar o caso adiante.

Confira o áudio:

Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.