Adolescente de 13 anos mata assassino do pai após discussão em bar em Boa Viagem

Agricultor matou ex-jogador de futebol com disparo na cabeça

Dois homicídios foram registrados no município de Boa Viagem, no Sertão Central cearense, a cerca de 220 km de Fortaleza, na tarde do último domingo (2). Após uma briga de bar, um agricultor matou um ex-jogador de futebol e, por vingança, o filho do executado matou o assassino do pai. O jovem tem apenas 13 anos.

O caso aconteceu na localidade de Domingos da Costa. Durante uma discussão num bar, o agricultor Raimundo Pinho de Araújo, 48 anos, conhecido como “Raimundo das Cabras”, tentou intimidar o ex-jogador de futebol de Boa Viagem, Claudeildo Lacerda de Morais, 47 anos, mais conhecido como “Cadeca”, com uma faca.

Segundo a Polícia Militar da cidade, durante o confronto corporal, Cadeca desarmou Raimundo e tomou o objeto. Raimundo teria saído do bar e retornado, momentos depois, munido de uma arma de fogo. Ele efetuou disparos na cabeça de Cadeca, que ainda foi socorrido para um hospital, mas não resistiu às lesões.

Após o crime, o atirador  saiu em fuga, mas foi atropelado por uma moto pilotada pelo filho do Cadeca, um adolescente de 13 anos. Com a colisão, Raimundo das Cabras deixou o revólver cair. O rapaz pegou a arma e disparou contra o assassino do pai, que também morreu no local. O jovem está sendo procurado.

O Boa Viagem Atlético Clube (BVAC) decretou luto de três dias. “Cadeca” atuou no time durante a década de 1990, tendo sido bicampeão dos Jogos Intermunicipais. O ex-jogador deixa mulher e três filhos. 
Fonte: diariodonordeste.verdesmares.com.br
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.