Aumenta para 360 o número de capturas por envolvimento em ataques no Ceará

O número é referente às capturas realizadas até as 17h desta segunda-feira, 14

De acordo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), nesta segunda-feira, 14, aumentou para 360 o número de pessoas presas ou apreendidas por participação nos atos criminosos registrados no Ceará. O número é referente às capturas realizadas até as 17h.

As prisões e apreensões registradas na Capital, Região Metropolitana e Interior são oriundas de ações das forças de segurança cearenses e entidades parceiras, que atuam para garantir tranquilidade e normalidade no funcionamento dos serviços públicos.

Equipes da Polícia Civil permanecem em diligências, com investigações concentradas na Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco). Já o policiamento ostensivo permanece reforçado em locais estratégicos e dentro dos coletivos de Fortaleza e Região Metropolitana, a partir de operações da SSPDS e a Polícia Militar do Ceará (PMCE). Helicópteros da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da SSPDS dão apoio às ações.

Entre as medidas adotadas está ainda o acompanhamento de veículos de concessionárias de energia, que são escoltados por composições da PM, tanto para a reposição de lâmpadas danificadas, quanto para a manutenção de serviços elétricos. Viaturas também foram empregadas para acompanhar caminhões caçambas pertencentes às regionais da Prefeitura de Fortaleza e também os veículos de coleta de lixo. 

Outra ação das forças de segurança é o reforço de policiais militares em postos de saúde e hospitais, garantindo que a população possa utilizar os serviços públicos normalmente.
Fonte: Redação O POVO Online
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.