Avenida Duque de Caxias terá faixas exclusivas de ônibus

| Mobilidade no Centro | Mudança, implementada até julho, vai alterar tráfego em outras vias

Dentro das ações de revitalização previstas pelo projeto Novo Centro, a Avenida Duque de Caxias deve receber um trinário até o fim deste semestre, envolvendo as ruas Meton de Alencar e Pedro I. O início das intervenções está previsto para março. A avenida, que continuará com os dois sentidos de circulação, receberá faixas exclusivas de ônibus. Assim, o fluxo de veículos particulares deve ficar, preferencialmente, para essas ruas paralelas. Além disso, a requalificação dos calçadões das ruas Liberato Barroso e General Sampaio devem ser entregues até julho.

As medidas, realizadas pela Prefeitura de Fortaleza em parceria com Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), foram divulgadas ontem, durante assinatura da ordem de serviço do pacote de obras do Novo Centro. O trecho de faixas exclusivas de ônibus da Duque de Caxias será entre as ruas Padre Ibiapina e Dona Leopoldina, com extensão de 2,3 km. Ajustes nas ruas Pedro I e Meton de Alencar ainda estão sendo definidos.

A região passou por avaliações, com estudos de tráfego, testes de viabilidade e simulações para a readequação do fluxo. O foco da mudança é o transporte público, considerado expressivo na Duque de Caxias, chegando ao volume de 150 ônibus/hora em intervalo de pico, conforme a Prefeitura.

Junto ao projeto viário, a requalificação dos calçadões visa melhorar a mobilidade e o comércio. Assis Cavalcante, presidente da CDL, diz que os reflexos da revitalização na rua Guilherme Rocha, entregue em novembro último, já são observados pelos lojistas. "Mais pessoas andando, comprando. A procura hoje está maior do que para a Liberato Barroso. No momento em que estiver pronta, também vai ter um movimento muito grande e o Centro vai voltar a ser o que ele era outrora", projetou.

O prefeito Roberto Cláudio frisa que o calçadão da Liberato Barroso, além de mais longo, vai ter a fiação subterrânea. Além da revitalização das vias de pedestres, será feita em março a implantação do projeto Calçada Viva na Avenida Barão do Rio Branco. "A gente vai alargar a calçada, padronizar todos os boxes de ambulantes. Com pintura, vamos alargar a área de passeio para atrair mais gente do que carro". O projeto Calçada Viva já foi implantado em algumas vias no entorno do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, na Praia de Iracema.

Segundo Adail Fontenele, secretário da Regional Centro, as intervenções são resultado de diálogo com lojistas e moradores. "Também vamos fazer uma adesivagem com fotos em homenagem a prédios ícones de Fortaleza e patronos", acrescentou.
Fonte: www.opovo.com.br
Rogilson Brandão

Rogilson Brandão

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.